Glossário

Adquirente: Podem receber também o nome de Credenciadora, empresa responsável por capturar, transmitir, processar e liquidar as transações financeiras, realizadas por meio de cartões de débito ou crédito, exemplo: Cielo, Rede, Getnet.

Subadquirentes – Conhecidas como facilitadoras, as subadquirentes são agentes financeiros de pagamento, onde centralizam os recebimentos na conta e repassam.

Bandeira: São instituições que autorizam o uso de sua marca e de sua tecnologia por emissores e credenciadoras de estabelecimentos. Essas marcas aparecem nos cartões e nos estabelecimentos credenciados, exemplo: Visa, Amex, Mastercard.

Cartão: É um meio de pagamento eletrônico que possibilita o portador adquirir bens e/ou serviços nos estabelecimentos credenciados e realizar saques de dinheiro em equipamentos eletrônicos habilitados.

Chargeback: Situação caracterizada pela contestação de venda pelo portador do cartão, é um mecanismo criado para proteção do consumidor, através do qual ele pode pedir junto ao seu banco a devolução de um débito feito através do seu cartão.

Chip do cartão: Dispositivo de armazenagem de informações sobre o portador do cartão que garante a confidencialidade e a segurança em transações realizadas por meio do cartão. Garante maior segurança quando comparado a tarja magnética.

Código de segurança do cartão: O código de segurança é o número de três dígitos no verso do cartão de crédito, imediatamente após o número principal do cartão.

Emissor: Entidade (geralmente um banco) responsável pela relação com o portador do cartão de pagamento, quanto à habilitação, identificação e autorização. Também responde pela liberação de limite de crédito ou saldo em conta corrente, fixação de encargos financeiros, cobrança de fatura e definição de programas de benefícios.

Intercâmbio: Taxa paga pelo adquirente ao emissor de cartões.

Mobile Payment (Captura pelo celular e tablet): Solução que utiliza o telefone celular como máquina de captura de operação de cartão de crédito ou de débito. É necessário instalar um aplicativo específico no celular ou tablet para realizar a transação de pagamento.

PIN PAD: É o leitor de cartões de crédito, débito e serviços que é utilizado com uma solução TEF para realizar suas vendas, ao passar ou inserir o cartão do seu cliente. É também nesse equipamento que o cliente digita a senha e aprova o pagamento.

Portador do cartão: Indivíduo que realizou a compra utilizando-se de um cartão de crédito ou débito.

Tarja do cartão: Tarja magnética onde estão armazenadas as informações sobre o portador do cartão.

Taxa de Aluguel: Preço fixo mensal cobrado pela credenciadora para a utilização da “maquininha” (POS – Point of Sale) ou para a integração ao sistema operacional da loja.

Taxa de administração: Taxa paga pelo estabelecimento ao adquirente, referente à prestação de serviços de captura, transmissão, processamento e liquidação financeira das transações realizadas, corresponde a um percentual aplicada sobre o valor da transação.

TEF: (Transferência Eletrônica de Fundos) é uma solução de pagamento eletrônico para estabelecimentos comerciais que realiza a gestão dos pagamentos eletrônicos integrada com a solução de automação comercial da loja.

Terminal (POS): Terminal eletrônico (maquininha) que efetuará a leitura do cartão de débito e crédito para que a compra seja efetuada.

Titular do cartão: indivíduo para quem um cartão é emitido ou autorizado a usar esse cartão.

Transação: Processo de compra e venda de bens e serviços por meio de cartões de pagamento (crédito ou débito) realizada pelo portador do cartão em estabelecimentos credenciados.