Antecipação de Recebíveis: quais as vantagens e os riscos?

É bem provável que o seu banco já tenha oferecido Antecipação de Recebíveis para a sua empresa. Essa linha de crédito contém vantagens, mas também há riscos que não devem ser subestimados.

Caso você ainda não conheça essa operação, trata-se de receber à vista aquelas vendas que foram realizadas a prazo, ou seja, você terá imediatamente um dinheiro que teria apenas no futuro.

Neste post, falaremos sobre essas vantagens, riscos, quando utilizar a Antecipação de Recebíveis e a importância do fluxo de caixa nesse contexto.

Como funciona a antecipação de cartão?

Funciona da seguinte forma: o banco ou operadora financeira antecipa o pagamento dos títulos — mediante uma taxa de juros — que você receberia no futuro, por exemplo:

Por sua vez, a instituição que antecipou os recebíveis assume o recebimento dos títulos que foram antecipados.

Quais as vantagens da antecipação?

Há vantagens que são características desse tipo de operação, e as principais são:

  • juros baixos: os juros cobrados nesse tipo de operação tende a ser menor que outras modalidades de empréstimos. Mesmo assim, antes de contratar, verifique se a taxa de juros, somada com o IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), é menor que outras opções de crédito disponíveis para a sua empresa.
  • menos burocracia: o fato de o banco ou financeira assumir o direito de receber os pagamentos futuros que foram antecipados torna o processo da transação mais ágil e menos burocrático.
  • não contrair dívida: mesmo incidindo juros e IOF sobre essa operação, como mencionado anteriormente, a empresa não está fazendo uma dívida, porque está usando um dinheiro que já é dela, apenas está antecipando o recebimento e pagando por isso.

Quais as desvantagens da antecipação de recebíveis?

  • inadimplência dos clientes: caso um título não seja honrado pelo cliente, como um cheque sem fundos, a responsabilidade de pagar o banco ou financeira será sua, podendo ainda ser acrescido de multa e juros pela operação.
  • frequência : ironicamente, esse risco está relacionado às vantagens dos juros baixos e facilidade de acesso, o que acaba fazendo da antecipação de recebíveis uma forma de “tampar buracos” e mascarar outras deficiências relacionadas ao planejamento e à gestão do negócio.

Quando e onde utilizar a Antecipação de Recebíveis?

Tão importante quanto conhecer as vantagens e os riscos da antecipação de recebíveis, é saber em qual momento do negócio você deve utilizá-la e se a empresa está preparada para isso.

A Antecipação de Recebíveis deve ser utilizada em casos que a empresa precise:

  • saldar compromisso com fornecedores quem vencem antes do prazo de recebimento dos seus clientes;
  • de mais capital de giro para manter o funcionamento;
  • cobrir operações com juros mais altos;
  • atender às demandas de sazonalidades.

Para você saber se o negócio tem condições de trabalhar com a Antecipação de Recebíveis é necessário ter uma boa projeção do fluxo de caixa, pois você precisa saber se essa antecipação fará falta no futuro.

Caso você não faça um planejamento adequado, provavelmente, estará resolvendo um problema hoje e gerando outro maior no futuro.

Se quiser saber mais a respeito, entre em contato conosco ou agende um horário com um especialista da Radar Auditoria! Será um prazer auditar suas vendas!

24.01.2020

Postado em Conciliação de Cartões, Vendas

Nenhum Comentário