Auxílio Emergencial: como aceitar o Cartão Virtual Elo Débito no TEF?

[sharify]

Credenciamento do estabelecimento comercial

Para aceitar o Auxílio Emergencial como forma de pagamento no TEF, se faz necessário credenciar o estabelecimento, para que em seguida seja habilitada esta função no TEF. Clique aqui para visualizar as instruções.

Desde abril, milhões de brasileiros receberam a primeira parcela de R$ 600 do auxílio emergencial. O valor é destinado pelo Governo Federal para diminuir o impacto da pandemia de Coronavírus na vida financeira dos brasileiros. O programa, com prazo de três meses deve ser prorrogado por mais algum tempo.

Até o final de maio de 2020, os beneficiários só tinham como opção o saque, a transferência do valor ou compras virtuais. Desde Julho, a solução TEF da Multiplus Card passou a aceitar o cartão virtual gerado pelo aplicativo Caixa Tem, usado por mais de 40 milhões de pessoas.

Essa é uma grande oportunidade, principalmente para setores essenciais como supermercados, postos de combustíveis e farmácias.

Quer aproveitar parte dos cerca de R$ 2,16 bilhões já injetados na economia? Leia até o final e saiba como aceitar o Cartão Elo Débito (Auxílio Emergencial) no seu estabelecimento comercial.

Aplicativo Caixa Tem: uma carteira virtual

O aplicativo Caixa Tem foi desenvolvido para funcionar como uma carteira virtual. Assim, o beneficiário não precisa ser proprietário de uma conta na Caixa Econômica Federal para receber o auxílio.

Dentro do aplicativo, os brasileiros podem realizar a transferência do benefício, gerar um cartão virtual (Cartão Elo Débito) ou realizar o pagamento com o QR Code. Todos os valores são debitados diretamente das contas poupanças digitais.

A operação na “ponta da lança”, como classificou o ministro da Economia Paulo Guedes, foi iniciada com duas grandes operadoras, entretanto, as demais adquirentes devem também aceitar em breve. Não deve demorar muito até que vários meios de pagamento se adaptem à tecnologia de pagamento do Governo Federal.

Recuperação da arrecadação

O volume financeiro esperado com o auxílio emergencial deve ajudar as empresas de maquininhas a compensar parte perdida com a pandemia. Somente em março, o setor deixou de capturar mais de R$ 20 bilhões, segundo a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs).

A ideia de utilizar a máquinas de cartão tem também como objetivo diminuir as filas para saques em bancos e casas lotéricas.

Se você quer aproveitar o momento e aceitar o pagamento do auxílio emergencial direto nas suas máquinas, conheça o passo a passo a seguir.

Aceitando o Auxílio emergencial no TEF

Para aceitar pagamentos com o Auxílio Emergencial no TEF, é necessário que o cliente tenha em mãos o celular com o aplicativo Caixa Tem instalado e acesse a opção de cartão virtual.

O Caixa do estabelecimento virtual deve abrir o aplicativo de TEF e seguir os passos:

  • Abra o TEF;
  • Insira os valores;
  • Acessar a opção de venda digitada
  • Peça para o cliente digitar o número, prazo de validade e código de verificação para concluir o pagamento;
  • Siga as instruções na tela para confirmar a transação;
  • Solicite ao cliente que digite a senha;
  • Finalize a compra e entregue o comprovante de pagamento.

Conciliação das vendas feitas com Auxílio emergencial

Assim como acontece nas vendas tradicionais feitas com cartão de débito, as transações realizadas através das adquirentes com o saldo do Auxílio Emergencial também devem ser conciliadas. Isso é fundamental para garantir o valor será recebido adequadamente.

Esse processo é fundamental para que o lojista seja cobrado adequadamente pela transação. A taxa do Auxílio Emergencial não pode exceder 1,2%, conforme limitação imposta pelo próprio Banco Central. Geralmente, a média em transações de débito gira em torno de 2%.

Nos credenciamentos feitos por intermédio da Multiplus Card, a taxa é de apenas 0,99%. Saiba mais: 0800 77 8134.

Pronto para aceitar o auxílio emergencial no seu TEF?

As soluções de Conciliação Automática da Multiplus Card são as mais completas do mercado. Perfeitas para realizar a conciliação de cartão, além da financeira e bancária.

03.08.2020

Postado em Vendas

Nenhum Comentário